O projecto Verde Global, “O Sistema de Informação Global da Região do Vinho Verde”, desenvolvido no âmbito da Operação Norte – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, encontra-se na fase final de execução.

Este projecto destinou-se a reforçar as infra-estruturas de suporte às comunicações, a informação estática e dinâmica especifica da Região, a dinamização dos operadores económicos e elementos associados à cultura da Região e ainda à realização de acções de apoio à promoção e à exportação: e-marketing Verde (dirigidas aos retalhistas electrónicos), e-learn Verde e estudos de optimização da logística associada à comercialização do Vinho Verde, entre outros.

O Verde Global preocupou-se com o rigor na execução das acções, nomeadamente naquelas que permitiram motivar os diferentes actores regionais a utilizarem os elementos de animação da Região, tal como nas que permitiram que os consumidores, de qualquer parte do planeta, possam criar laços com a Região de forma dinâmica e interactiva.

Um bom exemplo é a animação multimédia “Como se Faz o Verde”. De uma forma interactiva, esta animação informa sobre os vários passos na produção e distribuição dos Vinhos Verdes. A apresentação da Região dos Vinhos Verdes desenvolvida para os sistemas plasma tem percorrido Portugal de Norte a Sul. A versão inglesa também atravessou o Atlântico para se apresentar nos Estados Unidos.

O projecto Verde Global teve de consolidar, através das ferramentas disponibilizadas pelas tecnologias de informação e comunicação, um conjunto de elementos, respondendo de uma forma eficaz, eficiente e económica às novas solicitações mas também actualizando e integrando resultados e elementos já existentes, reorganizando-os de acordo com os novos modelos, numa perspectiva da optimização do controlo de gestão, dos recursos humanos, dos sistemas de informação e da qualidade. Trata-se de um projecto na sequência de uma evolução sólida e inovadora, incluindo as boas práticas de vários anos de operação com serviços Internet, Intranet e Extranet.

O Verde Global foi ao encontro dos novos paradigmas associados ao acesso total à informação por parte dos actores regionais/clientes/consumidores, que pretendem, de uma forma rápida, perceber as mudanças dos mercados sem perderem terreno para os concorrentes. Alguns dos sistemas disponíveis no portal da Região dos Vinhos Verdes, desde logo estas notícias Verdes & Frescas, são a prova disso.

Apostando nos sistemas de informação, estes actores conseguem uma presença persistente, dinâmica, interactiva e customizada com os diferentes interlocutores da sua actividade económica. É sabido que as pessoas interagem com os dados mas é necessária informação em tempo real para chegar aos serviços, aos produtos e às pessoas no momento certo.

Graças ao projecto Verde Global, é possível descobrir, com um clique, um local para passar um fim de semana na Rota dos Vinhos Verdes ou encontrar, com uma simples pesquisa, o seu vinho preferido desta Região, a partir dos interfaces desenvolvidos através dos mapas do Google, nos diversos países do mundo.

Mas o Verde Global também juntou fisicamente o Vinho ao consumidor. No início da Primavera, o Vinho Verde voou com o Verde Global até Nova Iorque. Juntou jornalistas especializados, sommeliers, agentes/distribuidores, restaurantes e hotéis e demais profissionais do sector para uma degustação fresca dos Vinhos Verdes associados à gastronomia moderna.

Próxima da meta final está também a passagem dos Vinhos Verdes pelos Shoppings de Portugal Continental.

Sob a bandeira do Verde Global, os Vinhos Verdes mostraram-se a todos os públicos durante os últimos dois anos. A visibilidade do projecto desenvolvido permanecerá no futuro próximo.