A edição de 2005 do Concurso de Vinhos da Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes terminou no passado dia 15 de Junho com a divulgação dos nomes dos vencedores, numa cerimónia organizada no Kais Restaurante-Bar, em Lisboa.
Com mais de três décadas de existência, este concurso tem premiado e promovido vinhos, espumantes e aguardentes de excelência, mostrando, em Portugal e no exterior, a qualidade da Região dos Vinhos Verdes.
Nesta última edição apresentaram-se a concurso mais de 150 marcas, destacando-se a participação de 80 Vinhos Verdes de casta, o que demonstra a aposta dos produtores em vinhos monovarietais, nomeadamente nos brancos Alvarinho, Arinto, Azal, Avesso, Loureiro e Trajadura, no rosado da casta Espadeiro e no tinto da casta Vinhão.
Este ano, o vencedor do prémio Verde Ouro na categoria Vinho Verde Branco foi a marca ”Quinta de Azevedo” da empresa Sogrape Vinhos, S.A.. O prémio Verde Ouro na categoria Vinho Verde Tinto foi atribuído à marca “Barão do Vale do Tâmega” da Sociedade Agrícola Solar da Carvalhosa, Lda.
Na categoria Vinho Verde de casta, os vencedores dos prémios Verde Ouro foram: casta Alvarinho, marca “Solar de Serrade” de Savam da Sociedade Agrícola de Vinho Alvarinho de Monção, Lda; casta Arinto, “Casa de Oleiros” de Manuel Nunes da Costa Camizão; casta Avesso, marca “O Camponês” da Sociedade Agrícola e Comercial Encosta do Zêzere, Lda; casta Azal, “Casa de Oleiros” de Manuel Nunes da Costa Camizão; casta Espadeiro, “Quinta de Carapeços” da Quinta de Carapeços – Sociedade Vitivínicola, Lda; casta Loureiro, marca “Quinta d’Amares” da Quinta de Amares Vinicultura, Lda; casta Trajadura, “Quinta da Lixa” da Quinta da Lixa – Sociedade Agrícola, Lda. e casta Vinhão, marca “Quinta do Outeiro de Baixo” da Sociedade Agrícola S. Veríssimo, Lda. O prémio Verde Ouro na categoria Aguardente de Vinho da Região dos Vinhos Verdes foi atribuído à marca “Ferreirinha” da Sogrape Vinhos, S.A. e o prémio Verde Ouro na categoria Aguardente Bagaceira da Região dos Vinhos Verde à marca “Touquinheiras” de José Luís Gonçalves Araújo. O vencedor com Verde Ouro na categoria Vinho Verde Espumante Branco foi a marca “Torre de Menagem” de Quintas de Melgaço – Agricultura e Turismo S.A.
Aos vinhos Regional Minho “Quinta de Carapeços” e “Navarros” foi atribuído prémio de Excelência. Ainda com prémio de Excelência foram distinguidos a “Quinta de Carapeços” na categoria Vinho Regional Minho Branco Alvarinho e as marcas “Casal de Vinhó”, de MB Agricultores, Lda., e “Morgadio da Torre”, da Sogrape Vinhos S.A., ambos na categoria Prova de Pequenos Volumes do Vinho Verde.
Na atribuição destes prémios estiveram presentes os agentes económicos da Região, profissionais do sector da hotelaria, restauração e grande distribuição, jornalistas nacionais, correspondentes internacionais, representantes de diversas instituições e organismos públicos e líderes de opinião.